6 de setembro de 2016

aeeee 50 coelhinhas :D

|| 0 Mil coelhinhas viajaram por aqui
Resultado de imagem
Uma pessoa especial é aquela que faz nascer dentro da gente um novo sentimento..



noticia urgente

|| 0 Mil coelhinhas viajaram por aqui

denuncia anonima tatuador agride 
mulher gravida perto de sua filha de 5 anos apos chegar bêbado e depois de usufruir de outros tipos de drogas deixando marcas visíveis em seu corpo.
endereço seguido embaixo do perfil do sujeito
deixando a jovem de 22 anos gravida dele.
dizendo entao que a mesma era mulher da vida e mentirosa e varios outros tipos de nomes que no momento nao vem ao caso.
mas deixando claro que nao importa oque ela seja o ato de violencia contra mulher é crime imagine gravida entao ?
machista e covarde,merece ser Denuciado
a jovem no entanto se encontra com medo da Denuncia pois dito o mesmo que a mataria!
deixo nas maos de voces!
https://www.facebook.com/idiego.medeiro?fref=ts

18 de outubro de 2015

nayori shan san (história da Distância)

|| 0 Mil coelhinhas viajaram por aqui
                 
Em uma eternidade me Preparei e acreditei que acharia a pessoa certa e sabe encontrei sim mas a milênios de quilômetros de mim, eu acredito que um dia chegaremos a se ver, eu quero tocar a sua pele e acreditar que é real por que a tristeza em meu coração e muita muita luta pra provar que eu realmente nao quero lhe perder.
em meio ao caos que em minha cabeça se encontra, você apareceu limpando o céu das trovoadas e quer saber mesmo eu precisava de ti. sou uma adolescente perdida em um corpo que nao é meu, eu não entendo, o porque mas preciso do seu amor, preciso de você a luta pra te achar foi grande e a luta pra você permanecer ainda é enorme mas me faz amar mas e mais esse seu jeitinho pertubado e sincero de ser . em meio ao caos uma carioca descendente de japonesa e um paulista bahiano se amam, sem evitar intensamente apaixonadamente estranhamente.

O Verdadeiro Amor

|| 0 Mil coelhinhas viajaram por aqui


                      

uma vez aprendi que para se ter amor nós precisamos deixa-lo entrar mas não aprendemos que para que ele permaneça é preciso que nós deixarmos ele sair se espalhar encher alguém ou um tempo ou ate mesmo o vazio do espaço quem saber deixar só entrar não seja tao errado porque dizem que se nós enchermos de mas acumularmos demais e não doarmos a quem precisa isso se torne uma coisa ruim uma coisa que não cabe mas aperta doí não é então devemos aprender a liberar seja pra quem for ou em qualquer lugar devemos sorrir, ajudar,amar mesmo que não conhecermos porque o verdadeiro amor esta ai esta nisso esse é o real amor.

22 de janeiro de 2014

Sínopse do meu 3 Livro :)

|| 0 Mil coelhinhas viajaram por aqui
Por Que viver assim? Perguntava-se Alice, uma menina Linda de apenas 15 anos, que vivia a se perguntar o motivo dela viver completamente jogada todos os dias em prantos submersos, Alice tinha uma família que por mais que não estive-se o tempo todo unidos, ela podia contar sempre que precisa-se, mas ela nunca entendia,certa vez Alice quis conhecer o seu mundo o mundo a qual ela vivia sonhando, Mas sabe era sempre sonhos mesmo.Alice então pois a ir atrás, arrumou uma pequena mala laranja que contém adesivos de clubes por toda superfície, colocando apenas o que precisa-se e o que ia precisar para essa pequena aventura, Alice Pegou sua mala jogou no sofá, e foi a um banho, Feliz da vida Alice cantava “Live Forever” cantarolava e soltava frases que na musica continham,saiu do banheiro pegou um vestido azul e rapidamente se vestiu fez um laço com um lenço brando no alto da cabeça, e pegou sua pequena bolsa, abraçou sua mala e saiu porta a fora. Assobiou para um táxi que passava, ele parou, ela pulou para dentro do carro como se aquilo fosse o pulo da sorte. -Direto ao aeroporto senhor! Chegando ao aeroporto ela soltou um sussurro de alívio olhando a sua volta, Era belo onde ela morava mas seu coração não aceitava aquele lugar, ela queria algo maior, maior que tudo que um dia ela sonhou, olhou as cidades assinaladas em meio a um catalogo, olhou também os países mais ainda não achou nada foi olhando de catalogo a catalogo e foi quando ela viu o nome Roma. Ela podia recomeçar em Roma. É lá era o lugar perfeito ela iria pra Roma, comprou sua passagem para o primeiro avião, e esperou ate que pudesse embarcar,Alice chorava,ria,tremia e pulava mas nunca quieta em apenas um lugar.

29 de março de 2013

noivaaaaaaa a. *-*

|| 4 Mil coelhinhas viajaram por aqui
Como vao voces? Bem eu to meia triste sabe estou tentando lutar contra meus defeitos mas tenho uma novidade muito boa EU ESTOU NOIVA AAAAH e quem sera que vai me ajudar a arrumar nao coisas droga nem sei quem escolher para ser madrinha e padrinho.... Raito Yagami como. Prometido nao revelarei seu nome meu amor (md)TE AMO *-*

12 de março de 2013

|| 0 Mil coelhinhas viajaram por aqui


“E hoje, por mais incrível que pareça, eu acordei feliz. Eu acordei sem medo do que espero para o meu dia. Sem medo de levantar da minha cama e receber uma notícia ruim. Sem medo de que esse dia me pregue peças como sempre acontece. Acordei com o ânimo de de alguém que nunca sofreu pela perda, de quem nunca sofreu pelo amor, de quem nunca sofreu pela dor e pela saudade. Acordei como se tudo de ruim que havia acontecido, que era apenas um pesadelo. E que o mundo real começava a partir de agora. Levantei da minha cama cantando minha música preferida do momento “I’ll be your man”, usei até minha escova como microfone, realmente, estou de muito bom humor. Tomei um banho longo, coloquei minha roupa preferida, passei meu perfume, fiz minha maquiagem e saí. Saí, pois fazia muito tempo que eu não tirava um dia pra mim. Saí para explorar esse lugar um pouco, e me surpreendi. Como as coisas mudaram. Como eu pude ser assim tão alienada em coisas que no fim não mudaram nada em minha vida? Como eu deixei uma fase da minha vida que poderia ter sido tão boa passar? Queria eu, poder voltar no tempo e fazer tudo diferente. Mas como o tempo não volta, vou viver o hoje. Viver como se não houvesse o amanhã. Viver como se daqui a dois minutos eu fosse morrer. Viver intensamente. Porque de tudo o que eu fizer, mesmo que seja certo ou errado, poderei falar que eu fiz, ou que pelo menos tentei, ao invés de não fazer e depois me lamentar de não ter feito. Vou sair, vou dançar, vou me divertir… Irei fazer tudo o que tenho direito, sem pensar no que as outras pessoas vão falar ou pensar. Porque da minha vida quem cuida é eu.”
— Afinal, a vida é minha!